terça-feira, 10 de setembro de 2013

Bispo Robson Rodovalho recebe comenda em João Pessoa

Rodovalho recebe comenda em João Pessoa


A Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP) concedeu, sexta-feira dia 06/09, a Comenda Cultural Ariano Suassuna ao escritor Bispo Robson Rodovalho, em uma propositura da vereadora Eliza Virgínia (PSDB). O homenageado é professor, físico, e cientista, foi deputado federal (2007-2011) e é o fundador do ministério evangélico Sara Nossa Terra. Após 15 dias do lançamento de sua obra, “Ciência e Fé”, o volume atingiu o 2º lugar no Brasil entre os livros mais vendidos.
A parlamentar presidiu e secretariou a mesa, que foi formada pelo Bispo presidente da Sara Nossa Terra na Paraíba, Edgar Moreira; sua mulher, a Bispa Ana Lúcia Moreira, que leu o texto bíblico; pelo pastor representante do ministério no Rio Grande do Norte, José Alberto Pinto; o Bispo do ministério em Esperança, interior paraibano, Bruno Rocha, e o pastor da Sara Nossa Terra em Vitória (ES), Júnior Santos.
Após a composição da mesa, houve as boas vindas do homenageado ao Plenário da CMJP. Eliza Virgínia comentou que, apesar das variadas áreas de atuação do Bispo Robson Rodovalho, o que mais lhe impressiona nele é a capacidade de conseguir realizar um despertar da sociedade para uma mudança de consciência política e cristã. “Ele deu um novo sentido ao voto do cristão, que hoje, prioriza votar em defesa da vida e da família, e não de interesses meramente político-partidaristas”, destacou.
Ela salientou que hoje, a bancada evangélica na política consegue mais adesão, se tornou mais forte e unida, com uma mentalidade diferenciada, e que isso também se deve à influência do Bispo Robson Rodovalho. “O Bispo publicou mais de 70 obras, tem uma vasta experiência acadêmica e profissional, e tem muitos filhos por todo o Brasil através de seu ministério. Ele conseguiu mudar a mentalidade do cidadão cristão”, salientou Eliza Virgínia.
A parlamentar revelou ter sido o vídeo do Bispo, “A Igreja Precisa Saber”, um forte influenciador na vida política da vereadora. Ela ainda salientou que a família é uma unidade estrutural fundamental da sociedade, e que o homenageado é difusor dessa ideia.
“Ele tem quase 40 anos de ministério Sara Nossa Terra. Conheço o Bispo Robson Rodovalho há 32 anos, e, além de ser um cientista, ele representa para nós a figura de um líder espiritual, de um exemplo a ser seguido”, comentou o Bispo presidente da Sara Nossa Terra na Paraíba, Edgard Fernando Moreira.
O homenageado agradeceu o carinho da sociedade pessoense e da CMJP. Ele citou a diversidade dos trabalhos que executa, permeando frentes sociais e culturais, além das espirituais. “Recebo essa homenagem com amor, bastante carinho e dignidade. Ofereço a Deus a honraria, que é o responsável por me dar forças pra lutar. Que continuemos a construir um Brasil democrático, mas na fé, para alcançar os objetivos da vida. A fé é fundamental na vida das pessoas e é reconhecida cientificamente. A fé é aporte da esperança, e anda junto com a ciência”, destacou o Bispo Robson Rodovalho.
Ele citou a atuação no Fórum Evangélico Nacional de Ação Social (Fenasp), que é um fórum no qual milita desenvolvendo uma luta sobre cidadania e política profética. “Entendemos que as nações que têm fé são nações que honram a verdade, que têm conceitos de Estado laico, pois não podemos violar o pensamento dos demais, e compramos as bandeiras de nação justa, sem corrupção, da importância da família”, comentou.
Mais uma vez, ele reforçou em seu discurso que acredita na ciência atrelada à religião, na ciência e fé como unidades indissociáveis. “É numa missão de ser comunicador e difusor desse pensamento que atuo em meus trabalhos. Sinto essa necessidade e me esforço para fazê-lo. Quero dizer algo que costumo compartilhar e acho o momento apropriado: o nosso universo é do tamanho do nosso conhecimento, quanto mais o conhecemos, mais sabemos sobre o universo no qual estamos inseridos”, finalizou, agradecendo a oportunidade, o Bispo Robson Rodovalho.

Nenhum comentário:

Postar um comentário