quarta-feira, 17 de julho de 2013

Contra o aborto: Cristãos são recebidos por Gilberto Carvalho, ministro-chefe da Secretaria-Geral da Presidência

Com blusas e mãos sujas de sangue, assim foram recebidos os manifestantes que protestaram, terça-feira (16/07), em frente ao Palácio do Planalto

Centenas de pessoas se reuniram na Praça dos Três Poderes na tarde desta terça-feira (16/07) exigindo o veto presidencial à lei que legaliza o aborto no país. Com camisas brancas manchadas de sangue (cenográfico), a mensagem era clara "Não quero sangue inocente em minhas mãos", campanha iniciada pelo Facebook que em poucos dias já conta com mais de 2,5 mil seguidores.

veta-dilma-pano_0.jpg

O manifesto contou com a presença de famílias, jovens e grupos religiosos, católicos e evangélicos a favor da vida. O ato forte, e pacífico teve resultado e por volta das 16h da tarde o movimento negociou a reunião com um representante da Presidência. Enquanto aguardavam o momento de serem recebidos, curiosos paravam para observar a manifestação e apoiavam o ato, assim como, carros e ônibus que buzinavam em sinal de aprovação. A imagem chocante de pessoas completamente sujas de sangue lembrou a realidade das vidas prestes a serem ceifadas com a aprovação da PLC 03/2013.
IMG_8331.jpg
Na reunião com o ministro-chefe da Secretaria-Geral da Presidência, o ex-seminarista Gilberto Carvalho, ficou evidente a existência de dois grupos, um pedindo o veto total da PLC 03/2013 e o outro, de maioria evangélica, pelo veto parcial, destacando o trecho sobre "Profilaxia de Gestação". 

Ficou determinado que os grupos deveriam protocolar um documento com suas reivindicações e eles serão encaminhados à presidente Dilma Roussef. Se os manifestantes contarem com as mesma agilidade com que o PLC foi aprovado no Congresso, nada menos que dois dias, o direito a vida já estará garantido no país.
 
Fonte: Fé em Jesus

Nenhum comentário:

Postar um comentário