Os populares orelhões vão ganhar um novo papel nas ruas. A Anatel incentivará operadoras a modernizarem os serviços e o atendimento das cabines telefônicas. A ideia é tornar os orelhões ponto de acesso wi-fi à Internet ou de disparo de torpedos SMS, por meio de pagamento em moeda, SmartCard ou cartão de crédito.
E isso não está longe de virar realidade. Segundo o gerente de planejamento da Anatel, Ricardo Itonaga, os novos orelhões serão instalados antes de 2016. “Esperamos que os novos modelos entrem em operação antes dos próximos grandes eventos que vão acontecer no Rio”, prevê o executivo.
A Oi chegou a testar, em 2011, na Zona Sul do Rio, protótipos que funcionavam como hotspot(wi-fi). Porém, o teste foi finalizado e o assunto parecia ter perdido fôlego. Itonaga desmente: “Existem 967 mil orelhões no país e 78,3 mil no Rio. Queremos estimular operadoras a melhorar e modernizar esse atendimento à população”.
É o tradicional sendo adaptado às novas demandas tecnológicas. Enquanto os novos modelos não chegam, vale conferir um ‘mapa’ de orelhões, disponível no site da Anatel (http://goo.gl/62dqJ).
Fonte: Verdade Gospel