segunda-feira, 2 de julho de 2012

Governador sanciona Lei Sobre Eventos Religiosos



Pastor Rodrigo Delmasso reúne segmento para preparar a nova fase de legalidade

Na próxima segunda-feira (9), mais de mil representantes religiosos de todo DF vão comemorar uma vitória: a Sanção da Lei sobre Eventos Religiosos. O governador Agnelo Queiroz fará a solenidade que vai celebrar a regulamentação do repasse de recursos públicos para a realização dos eventos do segmento. O pastor Rodrigo Delmasso participou de reunião com vários pastores, nesta manhã, e já se prepara para fazer da capital federal, palco de manifestações religiosas dentro da legalidade.
Política e religião são temas difíceis para serem inseridos de maneira equilibrada na sociedade. Para muitos o Estado é laico e não deve interferir nos assuntos religiosos. É neste equívoco que o executivo se ampara para não dar incentivos financeiros para projetos há nenhum tipo de credo. Pastor de igreja, Rodrigo Delmasso participou de uma reunião preparatória para a Sanção da Lei de Eventos Religiosos, que o GDF promete para a próxima semana. “Já estamos apostos para comemorar essa sanção que vai tirar as igrejas da ilegalidade. O Ministério Público não poderá mais ir contra as igrejas”, afirmou Delmasso. “Com esta sanção, a própria Secretaria de Cultura poderá dar estrutura para nossos eventos”, finalizou.


Serviços:
Local: Salão Branco do Palácio do Buriti - Praça do Buriti
Data: 09/07/2012
Hora: 15h


Por Luana Lemes

4 comentários:

  1. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  2. comentar o que? que o dinheiro dos contribuintes sem religiao vai pagar mimimi de crente? ..

    ResponderExcluir
  3. Galera tem que aprender a não votar nesses safados que rasgam a Constituição na cara dura. Bom que temos o mecanismo de ação direta de inconstitucionalidade pra combater os abusos desses corruptos ai. Tem que espalhar essas pilantragens pra todo mundo pra esse cara nunca mais ser eleito nem pra síndico!

    ResponderExcluir
  4. Putz, até isso nossos impostos vão bancar agora?
    E essa ajudinha do governo é pra qualquer credo? Ubanda, Gnose, Budismo... todos vão se beneficiar? Ou só essas igrejas evangélias produtoras de seres sem cérebro é que vão mamar nas tetas do Governo?
    Com tanta área carente de atenção nesse país e vamos gastar dinheiro com isso? Que vergonha...

    ResponderExcluir