sábado, 7 de abril de 2012

IPVA tem redução de 3% com a desvalorização dos carros em circulação

O Imposto Sobre a Propriedade de Veículos Automotivos (IPVA) deste ano ganhou uma pequena redução de 3% no total por conta da desvalorização dos carros. Cerca de 90% deles irão pagar um IPVA menor em 2012. Isso acontece porque os carros em circulação sofrem desvalorização de um ano para outro e as alíquotas do imposto incidem sobre o valor de venda do veículo. Assim, grande parte dos proprietários pagará um valor menor do tributo no ano que vem se comparado a este ano.
Embora a última parcela do imposto só vença em junho, os consumidores que optarem por pagar tudo de uma vez, irão ganhar 5% de desconto. Os donos de veículos 0km também comemoraram. Neste ano, eles não vão pagar nada. Quem usou os créditos do Nota Legal também se deu bem.
Ainda assim, o Governo do Distrito Federal vai arrecadar R$ 650 milhões com os pagamentos. Quase 5% a mais do valor recolhido no ano passado.
As pessoas que ainda não receberam o boleto podem procurar os postos do Na Hora ou entrar no site da Secretaria de Fazenda.

Veja como é aplicada a alíquota
1% - para veículos de carga, caminhões-tratores, micro-ônibus, ônibus e tratores de esteira, de rodas ou mistos
2% - ciclomotores, motocicletas, motonetas, triciclos e quadriciclos
3% - automóveis, caminhonetes, caminhonetas, utilitários e demais veículos não discriminados anteriormente

Entenda como é calculado o IPVA
O valor do IPVA é calculado aplicando à base de cálculo (valor venal) a alíquota estabelecida para cada tipo de veículo. Por exemplo, um carro de passeio que custe R$ 30 mil e tenha alíquota de 3%, terá um IPVA de R$ 900,00 (IPVA = R$ 30 mil x 3% = R$ 900). Quem optar pela parcela única terá um desconto de 5%, pagando R$ 855,00 ou então poderá escolher dividir o pagamento em três parcelas de R$ 300.

Fonte: Correio Web

Nenhum comentário:

Postar um comentário